segunda-feira, 16 de fevereiro de 2015

Nada voltará a ser como era antes, mas poderá ser melhor

No período em que estive em Maceió, acordei uma certa manhã muito triste com saudades de épocas felizes que passei na infância com minha família, principalmente na companhia do meu primo. Sempre que retornava a minha terra natal, vez ou outra me pegava tentando reviver os momentos felizes, repetir as mesmas atividades para tentar provocar reações semelhantes e emoções similares a que sentia naquela época. Ainda não tinha dado conta que o tempo passa, as pessoas mudam e os interesses também. Tentar repetir os comportamentos infantis não estava pegando bem para uma pessoa da minha idade. 

Foi ai que o Senhor falou comigo trazendo ao meu coração a seguinte frase: "Nada voltará a ser como era antes, mas poderá ser melhor!" Me levantei, peguei o telefone e liguei para o meu primo e o convidei para fazermos um passeio pelos lugares que costumávamos frequentar quando crianças "quase de rua". Fomos a feirinha onde catávamos frutas e verduras, ao mercado público, as principais ruas de Maceió por onde passeávamos de ônibus e refletimos sobre como as coisas haviam mudado e de como estávamos diferentes. Só uma coisa continuava igual, a nossa amizade e a vontade de estarmos juntos. Esse dia em particular se constituiu em um dos melhores da minha estadia ali.

A bíblia diz em Eclesiastes 3 que tudo tem o seu tempo determinado, mas nós temos a mania de querer que o tempo pare e sofremos com as mudanças que ele traz. Deus me ensinou naquela manhã que nós não devemos ficar sofrendo atrás de coisas que jamais voltarão. Deus faz nova todas as coisas e isso não precisa ser doloroso, tudo depende da forma como encaramos as coisas. Repetir as brincadeiras de infância não a traria de volta. Ficar chorando em casa pensando no quanto aquilo tudo foi divertido e até mágico em certas ocasiões não me faria sentir-me melhor, mas encarar a vida adulta como uma benção e criar novos programas e atividades coerentes com a nossa idade com certeza me faria bem melhor e fez.

Por isso te convido a seguir os conselhos de Jesus e aproveitar cada dia da sua vida como se fosse o último. Não fique olhando para traz como se os seus melhores dias estivessem ficado no passado, porque as coisas não serão como antes, mas poderão ser bem melhores. Pense nisso!

Nenhum comentário :

Postar um comentário