segunda-feira, 6 de julho de 2015

Faça bem feito

Um aluna me perguntou ontem se eu acreditava mais no evolucionismo ou no criacionismo. Claro que eu respondi criacionismo, sou o maior fã de Deus! Em matéria de perfeição ele não deixa a desejar! na verdade eu fico até ofendido quando alguém vem com a historinha fiada de que tudo surgiu de uma explosão. Gente acreditar nisso é negar a existência do ser mais perfeito que existe e das obras de suas mãos. Ai você pode dizer que os cientistas tem provas cientificas, mas para mim a maior prova é o que está registrado no primeiro capítulo do livro de Gêneses e ponto final. Usando Deus como pano de fundo, hoje desejo falar da perfeição.

Estou trabalhando em um novo texto, uma peça teatral que supostamente levara o nome do meu primeiro livro. Fui buscar inspiração para a criação dos personagens nas feiras de Maceió. passei três dia na feira observando o comportamento das pessoas. Antigamente eu costumava me sentar e escrever o que me viesse a cabeça, mas agora, diante das exigências do público, sinto que preciso caprichar mais nas produções para agradar uma clientela que só tem crescido graças a Deus. Digo sempre para os meus alunos que o mundo tem exigido tanto de nós que não há mais espaço para os bons e sim para os melhores.

Sabe o que me irrita? É ouvir e ver muita gente fazendo as coisas para Deus de qualquer maneira. Para o mundo, damos o melhor de nós, mas quando é para Deus o "qualquer jeito serve". Frases do tipo: "Eu não sei cantar, mas é para Deus. Eu não sei pregar, mas como é para Deus. Bota isso ai mesmo, é na igreja! Infelizmente hoje tem reunião na minha igreja!" É tão irônico ver o rei da perfeição recebendo resto ou qualquer coisa. 

Costumo dar o melhor de mim em tudo e quando é para Deus eu me dedico o dobro. Ele é perfeito, tudo o que faz é perfeito e merece o nosso melhor. Quando foi para nos resgatar desse mundo, Ele enviou do céu o que tinha de melhor, seu filho Jesus Cristo. Não foi para receber de nós o "qualquer coisa", mas o que temos de melhor. Pense nisso na próxima vez que for prestar um culto ou qualquer oferta a Deus.   

3 comentários :