quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

Made In Nordeste se apresenta no FESTUERN 2015

Gostaria de fazer uma postagem diferente sobre esse dia tão esperado por mim e meus alunos, mas infelizmente isso não vai ser possível. Como não gosto de arrodeio, vou direto ao ponto. Eu não sei como foram as apresentações durante a manhã e tarde, mas as da noite deixaram muito a desejar. Não estou me referindo ao talento dos artistas, muito menos na beleza dos espetáculo,  mas na organização do evento em geral. Pra começar tiveram logo um grave problema com os patrocinadores. 

A Petrobraz, maior patrocinadora do evento não pode ajudar devido a robalhera desses últimos tempos. Depois vem a separação das apresentações dos espetáculo por pólo,  sendo que muitas escolas não se apresentaram no teatro, lembrando que o objetivo principal do festival era exatamente fazer com que os alunos conhecessem o teatro. Ainda pra completar, os espetáculo que se apresentaram a noite tiveram que contar com um atraso de mais de meia hora para começar,  depois um vídeo dos homenageados de mais 20 minutos e uma entrega de títulos de cidadãos de Mossoró com direito a falas de homenageados que duraram mais de 40 minutos. Quando as escolas foram finalmente se apresentarem era quase nove da noite. 

Todo mundo sabe que passando das nove, ninguém mais fica no teatro a não ser se os espetáculos realmente forem da cidade. Quando viemos nos apresentar, quase dez da noite não havia mais ninguém no teatro, apenas as escolas de Patu que por amizade resolveram ficar. Ficamos arrasados e só apresentamos porque temos compromisso, mas a vontade era de voltarmos para casa sem apresentar. 

Uma tremenda falta de respeito com as escolas parceiras. Porque não começaram mais cedo e colocaram as homenagens pra o final? Porque não colocaram as escolas de Mossoró por último tendo em vista que todas as outras teriam que retornarem as sua scidades? Resumindo... Uma negação, não a nossa participação, pois a escola estava preparadíssima para apresentar, mas pela organização.  Deixar a escola se apresentar para as baratas do teatro foi o fim! 

Nenhum comentário :

Postar um comentário