sexta-feira, 8 de abril de 2016

Diário de Classe - Bartolomeu Campos de Queirós

Esse livro é diferente de tudo o que já li. O autor pega um nome, extrai vários outros dele e escreve versos encaixando cada um de maneira que conte uma história. O interessante é que ainda rimam. São textos curtos, ilustrações simples creio que feitas por ele mesmo tendo em vista que não há nome de ilustradores na capa. Não indico a sua leitura em sala de aula porque suas história não seguem uma sequência, mas algumas rimas servem como trava língua. 

Nenhum comentário :

Postar um comentário